Equidade, Resultados não Previstos e Complexidade em Avaliação

Quais são os desafios que nós avaliadores enfrentamos hoje ao avaliar complexidade? Como pode um avaliador promover a equidade e justiça social em seu trabalho? Por que é importante detectar os resultados não previstos de programas de desenvolvimento? Se você estiver interessado em aprender um pouco mais sobre algumas ou todas as questões acima, confira o vídeo da apresentação de abertura realizado por nosso colega Michele Tarsilla na IV Conferência RELAC realizada em Lima (Peru ) há alguns dias:

(EM ESPANHOL!!!)

http://educast.pucp.edu.pe/video/4800/iv_conferencia_relac_el_futur...

Exibições: 541

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação para adicionar comentários!

Entrar em Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação

Comentário de maria suely do rego baldaia vila em 24 junho 2015 às 18:23

Acabo de sair de uma reunião cujo tema trata-se da 15 conferencia de saúde com inserção de práticas complementares e interativas no cuidado à saúde, ouvi falar em novas propostas como residência multiprofissional de saúde , mas se estes profissionais continuarem sendo vítimas de lavagem cerebral no quesito medicamento para cura de tal órgão em vez de saúde corporal considerando a complexidade e interação dos órgãos ,remexendo e alterando a grade curricular do ensino atual para uma maior reflexão médica na análise do corpo humano e sua interação com o meio principalmente no campo biológico e as interferências interligadas ao que se alimenta física e emocionalmente vamos acabar por morrer na praia.

Comentário de maria suely do rego baldaia vila em 24 junho 2015 às 18:07

Respeitar a história de cada cidadão é diferente de reconhecer a história de cada ser em si , eis um desafio dentro da complexidade, os próprio parâmetros de educação não condiz com a situação real atual

Comentário de Marina Ferreira de Medeiros Mend em 15 abril 2015 às 17:48

Parabéns pela iniciativa. Muito interessante ter acesso a esse material, vai possibilitar aos interessados no tema, reflexões e aprofundamento. Obrigada!

Comentário de Silvana M.S.Oliveira em 1 abril 2015 às 10:09

Material  muito bom, para maiores reflexões e aprofundamentos.

Parabéns pela partilha. Obrigado.

Comentário de Vera Maria Ribeiro Nogueira em 31 março 2015 às 23:42

Parabéns pela iniciativa. Uma forma de acompanharmos os debates muito pertinentes desta conferência no Peru.

Comentário de Neemias dos Santos Almeida em 28 março 2015 às 9:55

Interessante!!!

Revista Brasileira de Monitoramento e Avaliação

#Eval4Action

Siga-nos no Facebook!

© 2021   Criado por Marcia Joppert.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

a.next_photo_link img:hover {transform:scale(1.20);-ms-transform:scale(1.20);-o-transform:scale(1.20);-webkit-transform:scale(1.20);-moz-transform:scale(1.20); transform:scale(1.20);-webkit-transition:all 1s ease-out;-moz-transition:all 1s ease-out;transition:all 1s ease-out;-ms-transition:all 1s ease-out;-o-transition:all 1s ease-out;}