Competências para Avaliadores, Gestores e contratantes

O rascunho das competências para Avaliadores, Gestores e contratantes de avaliação de desenvolvimento foi desenvolvido na sequência de um longo acompanhamento por muitos voluntários da IDEAS (Associação internacional de Avaliação em Desenvolvimento) com competência e padrões relacionados com a avaliação com e sem um foco de desenvolvimento. Entre os documentos disponíveis no site da IDEAS www.ideas-global.org está o The Movement for Global Competencies for Development Evaluators, de Linda Morra Imas (2010) , que descreve a justificativa para a iniciativa, a sua aprovação pelos membros, e o processo que se seguiu.

O quadro de competências da IDEAS é baseado em uma premissa de três partes. A primeira é que há um núcleo de competências que todos os que são avaliadores de desenvolvimento ou gestores de avaliação de desenvolvimento devem mirar para onde quer que trabalhem. Isto é, as competências essenciais de avaliação do desenvolvimento são basicamente as mesmas independentemente se o trabalho será feito na Bélgica, Butão, Botswana, Brasil, Bulgária, ou Uganda, Ucrânia, Emirados Árabes Unidos, ou nos Estados Unidos. Em segundo lugar, as competências essenciais são as mesmas se os avaliadores de desenvolvimento ou gestores de avaliação de desenvolvimento trabalharem para uma organização bilateral de desenvolvimento, um ministério de país em desenvolvimento, uma organização sem fins lucrativos grande ou pequena, ou uma universidade. A terceira parte da premissa é que cada organização terá suas próprias competências específicas ao contexto para adicionar a este núcleo.

Uma primeira revisão deste documento foi publicado em setembro de 2010 no site da IDEAS para comentários de membros. Os comentários foram analisados e refletidos para a segunda proposta de revisão apresentada na Assembléia Global em Abril de 2011 na Jordânia. Esta versão atual das competências essenciais reflete revisões feitas na sequência de um terceiro período de avaliação após a Assembléia Global 2011. As competências foram adotadas pelos membros da IDEAS em Fevereiro de 2012. 

Parte da proposta do Rio Academy na disseminação do Monitoramento e Avaliação no Brasil e países lusófonos, é a tradução de documentos importantes para a formação e desenvolvimento desta cultura.

O Quadro de Competências da IDEAS pode ser encontrado traduzido ao Português aqui ou seu formato original em inglês aqui.

Exibições: 104

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação para adicionar comentários!

Entrar em Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação

Revista Brasileira de Monitoramento e Avaliação

#Eval4Action

Siga-nos no Facebook!

© 2021   Criado por Marcia Joppert.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

a.next_photo_link img:hover {transform:scale(1.20);-ms-transform:scale(1.20);-o-transform:scale(1.20);-webkit-transform:scale(1.20);-moz-transform:scale(1.20); transform:scale(1.20);-webkit-transition:all 1s ease-out;-moz-transition:all 1s ease-out;transition:all 1s ease-out;-ms-transition:all 1s ease-out;-o-transition:all 1s ease-out;}