Auditoria em Odontologia

O trabalho de auditoria em saúde tem ganhado destaque a partir dinâmica adquirida pela Nova Saúde Pública no país. A Constituição de 1988, a implementação de bases políticas normativas, o Pacto pela Saúde de 2006 e o Decreto 7.508 de 2011, por exemplo, bem como o caráter pedagógico que a auditoria incorporou nos últimos anos contribuíram para o seu fortalecimento como ferramenta de gestão pública. Em se tratando de fundamentação técnica, foram identificados muitos avanços. Contudo, no que diz respeito à produção científica da auditoria aplicada à saúde, há ainda um campo amplo a ser explorado. Este artigo se propõe a discutir acerca da conceituação e aplicação da ferramenta auditoria no contexto da prática odontológica na Atenção Primária à Saúde, destacando as possibilidades de atuação, dificuldades do processo e os atributos necessários do auditor para o bom desempenho da função. Apresenta, ainda, a auditoria em odontologia como ferramenta de gestão da qualidade, baseada em normas e conceitos ético-jurídicos.

Artigo na íntegra: http://www.gestaoesaude.unb.br/index.php/gestaoesaude/article/view/196 

Exibições: 241

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação para adicionar comentários!

Entrar em Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação

Revista Brasileira de Monitoramento e Avaliação

#Eval4Action

Siga-nos no Facebook!

© 2021   Criado por Marcia Joppert.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

a.next_photo_link img:hover {transform:scale(1.20);-ms-transform:scale(1.20);-o-transform:scale(1.20);-webkit-transform:scale(1.20);-moz-transform:scale(1.20); transform:scale(1.20);-webkit-transition:all 1s ease-out;-moz-transition:all 1s ease-out;transition:all 1s ease-out;-ms-transition:all 1s ease-out;-o-transition:all 1s ease-out;}